Faça seu login

Quem está On line

Temos 72 visitantes e Nenhum membro online

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Primeiro encontro acontecerá dia 10 de maio

Os 90 anos de história da primeira escola de samba do Brasil serão lembrados por aqueles que mais sabem de sua trajetória: sua gente. Pensando nisto, o Departamento Cultural do GRES Estácio de Sá promove, a partir do dia 10 de maio, uma série de encontros onde a proposta principal é reativar a memória dos estacianos.  As mesas redondas acontecerão uma vez por mês e contarão com a presença de figuras lendárias da agremiação. Já neste primeiro encontro, cujo tema será a história das escolas que deram origem ao Berço do Samba, nomes como Adilson Almeida, herdeiro de seu Bacural, um dos fundadores da Unidos de São Carlos e oriundo da Vê Se Pode, que recordará histórias fascinantes dos antigos desfiles.

O encontro terá início às 20h, é aberto ao público e um convite aos componentes, pesquisadores e sambistas interessados em saber um pouco mais sobre a história viva do samba e da Estácio de Sá.  A mediação será feita por Yuri Eiras, estudante de jornalismo e um dos integrantes do departamento cultural da vermelho e branco que, até agosto, terá inúmeras atividades para celebrar seus 90 anos de história.

A quadra da Estácio fica na avenida Salvador de Sá, 206 – Cidade Nova.

Serviço:  Roda de Conversas do Berço do Samba

Local: Quadra da Estácio de Sá

Data: 10 de maio, quarta-feira

Horário: 20h

Convidados: Adilson de Almeida, filho de Bacural. Oriundo da Vê Se Pode e fundador da Unidos de São Carlos.

                    Almir do Cantinho, filho de Nelson Sapo, oriundo da A Cada Ano Sae Melhor.

                     Eunice Soares, oriunda de A Cada Ano Sae Melhor e filha de Elza, baiana de A Cada Ano Sae Melhor.

 

Entrada : franca

FacebookTwitterGoogle Bookmarks

Nossos Parceiros

Busca

Leão na Educação