Érika Ender, artista panamenha e filha de uma brasileira, vai desfilar na vermelha e branca

  • DSC 0005
  • DSC 0012
  • DSC 0014
  • DSC 0016
  • DSC 0018
  • DSC 0019
  • DSC 0024
  • DSC 0027
  • DSC 0028
  • DSC 0032
  • DSC 0033
  • DSC 0034
  • DSC 0039
  • DSC 0040
  • DSC 0042
  • DSC 0045
  • DSC 0046
  • DSC 0046 1
  • DSC 0049
  • DSC 0051
  • DSC 0057
  • DSC 0058
  • DSC 0067
  • DSC 0077
  • DSC 0078
  • DSC 0082
  • DSC 0091
  • DSC 0092
  • DSC 0094
  • DSC 0097
  • DSC 0099
  • DSC 0100
  • DSC 0107
  • DSC 0111
  • DSC 0114
  • DSC 0116
  • DSC 0117
  • DSC 0118
  • DSC 0126
  • DSC 0127
  • DSC 0130
  • DSC 0131
  • DSC 0133
  • DSC 0136
  • DSC 0137
  • DSC 0138
  • DSC 0141
  • DSC 0142
  • DSC 0146
  • DSC 0152
  • DSC 0154
  • DSC 0155
  • DSC 0157
  • DSC 0161
  • DSC 0170
  • DSC 0171
  • DSC 0179
  • DSC 0189
  • DSC 0192
  • DSC 0193
  • DSC 0198

Com hino escolhido e já gravado para o CD oficial dos sambas-enredo 2019, a Estácio de Sá inicia nesta segunda, 01 de outubro, a preparação de sua comunidade para o desfile realizando o primeiro ensaio de canto. O treino, que acontece a partir das 20h, reúne todos os segmentos e a comunidade que irá desfilar no sábado de Carnaval defendendo o enredo “ A fé que emerge das águas”, temas com o qual a primeira escola de samba do Brasil disputará o campeonato da Série A.

- Nossa comunidade é muito forte e sempre dá um show de canto. A intenção dos ensaios é a de aprimorar, fazer com que o componente aprenda a letra e cante muito o samba porque eles são decisivos para o sucesso do desfile, diz Walmir Cerilo, que este ano assumiu a Direção de Carnaval da escola ao lado de Mário Mattos. Ambos são experientes no quesito Harmonia e sabem a responsabilidade que o grupo tem em mãos.

Para quem quer desfilar na escola, as inscrições estão abertas e acontecem também todas as segundas, das 18h até as 21h. Os interessados devem levar duas fotos 3x4, cópia da identidade e comprovante de residência e efetuar o pagamento da taxa que é de R$55.

Segmentos farão aulas de espanhol para receber bem os foliões panamenhos

Devido ao enredo que abordará a fé e devoção do povo panamenho ao Cristo Negro de Portobelo, segmentos como Harmonia, Departamento Feminino e a Direção de Carnaval, começarão a fazer aulas de espanhol para interagirem melhor com os homenageados que desfilarão pela escola.

- A iniciativa é para que eles se sintam acolhidos e entendam os comandos com clareza. Também é uma forma de nos aproximarmos e podermos atendê-los. A gente quebra o galho no portunhol, mas nos animamos para aprender a “hablar” e fazer esse intercâmbio. O samba tem linguagem universal, mas saber se comunicar é o mínimo que podemos fazer para atender bem, não só os panamenhos, mas os turistas que estão nos visitando. Quem sabe a gente não aprende o inglês mais para frente, diz Marli Mattos, responsábel pelas inscrições da comunidade e pelo Departamento Feminino.

A entrada para o ensaio da comunidade é gratuita. Em 2019, a Estácio de Sá será a terceira escola a desfilar, no dia 02 de março, na Marquês de Sapucaí, com enredo assinado pelo carnavalesco Tarcísio Zanon.

FacebookTwitterGoogle Bookmarks

HINO 2019

ALAS COMERCIAIS

SIGA-NOS

Faça seu login

Quem está On line

Temos 228 visitantes e Nenhum membro online

Choose your language

Busca

Leão na Educação