• DSC 0005
  • DSC 0012
  • DSC 0014
  • DSC 0016
  • DSC 0018
  • DSC 0019
  • DSC 0024
  • DSC 0027
  • DSC 0028
  • DSC 0032
  • DSC 0033
  • DSC 0034
  • DSC 0039
  • DSC 0040
  • DSC 0042
  • DSC 0045
  • DSC 0046
  • DSC 0046 1
  • DSC 0049
  • DSC 0051
  • DSC 0057
  • DSC 0058
  • DSC 0067
  • DSC 0077
  • DSC 0078
  • DSC 0082
  • DSC 0091
  • DSC 0092
  • DSC 0094
  • DSC 0097
  • DSC 0099
  • DSC 0100
  • DSC 0107
  • DSC 0111
  • DSC 0114
  • DSC 0116
  • DSC 0117
  • DSC 0118
  • DSC 0126
  • DSC 0127
  • DSC 0130
  • DSC 0131
  • DSC 0133
  • DSC 0136
  • DSC 0137
  • DSC 0138
  • DSC 0141
  • DSC 0142
  • DSC 0146
  • DSC 0152
  • DSC 0154
  • DSC 0155
  • DSC 0157
  • DSC 0161
  • DSC 0170
  • DSC 0171
  • DSC 0179
  • DSC 0189
  • DSC 0192
  • DSC 0193
  • DSC 0198

Enredo “A fé que emerge das águas” terá o Cristo Negro de Portobelo como fio condutor

Realizada na última sexta-feira, a primeira eliminatória de sambas-enredo na quadra da Estácio de Sá foi recheada de expectativa para as onze parcerias que se inscreveram no concurso para eleger o hino oficial do Carnaval 2019, ano em que a vermelha e branca vai levar para a Marquês de Sapucaí, a fé e devoção do povo panamenho ao Cristo Negro da região de Portobelo, província do Panamá, país considerado o umbigo do mundo, por sua importância econômica em virtude do Canal que leva seu nome.

Após uma noite intensa, quatro sambas deixaram a disputa que terá mais um capítulo na próxima sexta-feira, 31, a partir das 22h30 na quadra da escola. Em ordem ainda a ser definida, sete composições disputarão a permanência no concurso que terá sua grande final no dia 15 de setembro, sábado. São elas:

SAMBA 01 – ALEXANDRE NAVAL E CIA

SAMBA 03 – DANIEL GONZAGA E CIA

SAMBA 04 – JACY INSPIRAÇÃO E CIA

SAMBA 05 – WILSINHO PAZ E CIA

SAMBA 08- WALMIR DO CAVACO E CIA

SAMBA 09 – JORGE LOPES

SAMBA 11 – MOISÉS SANTIAGO E CIA

Empenhados em fazer uma grande apresentação, os compositores não estão medindo esforços para conquistar os segmentos e chegar até a final da disputa. Campeão em 2018, Alexandre Naval, que também é presidente da ala dos compositores e integrante da parceria do samba 01, considera a disputa deste ano, uma das mais equilibradas.

- Estamos fazendo o trabalho de formiguinha, distribuindo a letra e pedindo que a comunidade ouça e vá torcer por nós. O enredo é muito forte e tivemos muito cuidado em fazer um samba que, como o carnavalesco pediu, tenha uma carga forte de emoção. A disputa vai ser dura, os sambas estão muito bons, diz o compositor.

A entrada do evento custa R$30, e a  comunidade tem passe livre  apresentando a carteirinha ou o recibo de inscrição das alas. Integrantes de escolas coirmãs, pagam meia entrada e a classificação é 18 anos. Bem localizada, a quadra da do GRES Estácio de Sá fica próxima a três estações de metrô ( Cidade Nova, Estácio e Praça XI) e em área onde circulam linhas de ônibus que fazem ligação com os principais bairros da cidade . Há facilidade de estacionamento no entorno e farta oferta de táxis no local. O endereço do Berço do Samba é rua Salvador de Sá, 206 – Cidade Nova.

Em 2019, a Estácio de Sá será a terceira escola a desfilar no sábado de Carnaval, 02 de março.

Serviço: Eliminatórias de samba no GRES Estácio de Sá

Data: todas as sextas

Horário: a partir das 22h30

Valor: R$30 ; comunidade com carteirinha não paga entrada; comunidade de escolas coirmãs com carteirnha na validade R$15

Classificação: 18 anos

Endereço: Rua Salvador de Sá, 206 - Estácio

FacebookTwitterGoogle Bookmarks

HINO 2019

ALAS COMERCIAIS

SIGA-NOS

Érika Ender, artista panamenha e filha de uma brasileira, vai desfilar na vermelha e branca

Faça seu login

Quem está On line

Temos 285 visitantes e Nenhum membro online

Choose your language

Busca

Leão na Educação